Meu parceiro solitário

Dia desses pensei no abacateiro. Voltei ao quintal, com piso de concreto e uma área verde com vários tipos de plantas. Para a criança que fui, aquele espaço da casa do Barbalho era uma floresta imensa. Às vezes era cenário das aventuras solitárias de uma filha única; outras vezes, um lugar assustador cheio de perigos … Continue lendo Meu parceiro solitário

Anúncios

Umidade

Eu poderia continuar falando sobre o quão difícil está minha vida nesse momento, ou dissertar sobre as crises mundiais, sobre Lula que ainda está preso, Bolsonaro que ainda é presidente, a Vale que ainda não foi fechada, os policiais que continuam matando gente inocente, os homens que seguem espancando e acabando com a vida das … Continue lendo Umidade

Quando desatei os nós do Senhor do Bonfim

Eu exibia, orgulhosa, duas fitas no punho esquerdo: uma azul e outra branca (as clássicas). Uma delas representava o desejo de conseguir um bom trabalho; a outra, a tão sonhada casa. Durante algumas poucas semanas, os dois pedidos foram realizados com louvor. E continuei exibindo minha baianidade em forma de fitas. Finalmente eu reconstruiria minha … Continue lendo Quando desatei os nós do Senhor do Bonfim