Parabéns para quem não é mãe

Parabéns para mim que não sou mãe e que, diariamente, luto para acreditar que sou capaz de amar de forma completa, plena, profunda e incondicional mesmo que eu não tenha filhos. Parabéns para mim que não acho que eu seja "menos mulher" que as outras que geraram crianças em seus ventres. Parabéns para mim que … Continue lendo Parabéns para quem não é mãe

A série da minha vida adulta

Há alguns meses comecei a primeira temporada de FLEABAG (BBC/Amazon Prime) e parei no meio, o que é bem incomum já que eram apenas 6 "leves" episódios de 20 e poucos minutos cada. Quem me conhece sabe que sou capaz de passar muitas horas vidrada em longos seriados de crimes sangrentos. Mas eu fiquei tão … Continue lendo A série da minha vida adulta

A culpa é da “periguete”

Falando em sororidade no texto anterior, me peguei pensando muito sobre isso enquanto assistia ao episódio de sexta-feira (23/10) de Malhação, Meu Lugar no Mundo. Sim, eu vejo Malhação de vez em quando. Me relaxa. Não existem cobranças, envolvimentos emocionais... "a relação perfeita", como diriam alguns. Malhação me ajuda a simplesmente vegetar na frente do sofá … Continue lendo A culpa é da “periguete”