Odeio o Natal

Odeio o Natal. Socialmente falando, não existe nada mais escroto do que ser bombardeada por propagandas e obrigações de produtos que você TEM que consumir na época (de comida a presentes), sendo que a maior parte da população mundial vive na miséria.

“Ah, mas é a chance de juntar e passar uma noite com toda a família”. Veja bem, se você gosta das pessoas da sua família, com certeza não espera até o final do ano para ter um momento feliz com elas. E aí vem a hipocrisia que engloba todas as relações (familiares, profissionais e de amizade): participar de confraternizações e amigos secretos constrangedores com gente que você mal conhece ou sequer gosta, mas não poder negar para ser considerada “normal/legal”.

“Ah, mas é o aniversário de Jesus Cristo, tempo de amar ao próximo” etc. Bom, se você espera até o final do ano para ser uma pessoa bacana com as outras, aí realmente tem que puxar muito o saco do filho de Deus para se livrar do inferno.

P.S.: se a vida fosse boa, tender e chocotone seriam vendidos o ano inteiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s